subject
Pedagogia, 21.12.2021 16:20 wanessa3813

o desenvolvimento e sua sustentabilidade o desafio no mundo com inúmeras concepções e propostas para agricultura alimentar e nutricional

Respostas
Respostas: 2

Outra pergunta: Pedagogia

question
Pedagogia, 15.08.2019 00:40
Ao desenvolver uma pesquisa cientifica,independente de sua moadalidade,e necessario estar atento aos intens de sua composicao,garantindo assim o atendimento que se espera deste trabalho.em relacao ao artigo cientifico e correto dizer que este e composro por:
Respostas: 3
question
Pedagogia, 15.08.2019 01:20
Questão 2 no brasil, a creche, como instituição, tem sua origem a ) na necessidade em se oferecer uma educação formal cada vez mais cedo às crianças, preparando-as para a vida em sociedade. b ) na necessidade das famílias terem um local para deixar seus filhos por conta do ingresso da mulher no mercado de trabalho. c ) em se suprir uma demanda nova de professores habilitados a trabalhar na educação infantil, mas que ainda não tinham onde trabalhar. d ) no momento em que a família real sai de portugal como uma adaptação dos costumes brasileiros aos costumes portugueses.
Respostas: 2
question
Pedagogia, 16.08.2019 07:53
Olá, tudo bem ? gostaria de saber se eu estudante de pedagogia poderia dar aula em qualquer instituição de , sendo estadual ou municipal?
Respostas: 1
question
Pedagogia, 16.08.2019 22:32
Apresença da reflexão na filosofia da educação sobre ideias e pães “em meados dos anos 70 do nosso século, dois caciques da nação xavante vieram, de avião, visitar a cidade de são paulo; a visão aérea noturna de uma megalópole (com sua “floresta de prédios) os impressionou sobremaneira (tal como, para nós, é inesquecível e confusa a paisagem amazônica). foram dormir em um hotel e, no dia seguinte, levados para passear. aonde levá-los, senão para ver o diferente, o exótico, o inédito? andaram de metrô (recém-inaugurado), caminharam pela av. paulista (com suas catedrais financeiras altíssimas), visitaram um shopping center (só havia dois naquele tempo) e, por fim, foram conhecer um dos prédios históricos paulistanos na região central que abriga um imenso mercado municipal (entreposto de frutas, legumes e cereais). a ida ao mercado tinha a finalidade de surpreendê-los com um cenário paradisíaco: alimentos acumulados em grande quantidade. como, naquela época, eles quase não usassem o dinheiro com mediação para qualidade de vida, o alimento farto representava uma riqueza incomensurável. entraram, deram dois passos no interior do prédio e, subitamente, estancaram boquiabertos com o cenário: pilhas e pilhas de alface, de cenoura, de tomate, de laranja etc. começaram a andar por entre as pilhas e caixas, em meio àquele ruído de vozes, folhas e frutos esmagados e caídos no piso, um movimento incessante. de repente, um deles viu algo que nenhum e nenhuma de nós veria, pois não chamaria nossa atenção. ele apontou e disse: o que ele está fazendo? “ele” era um menino de uns 10 anos de idade, negro, pobre (nós o saberíamos, pelas vestimentas), que no chão catava verduras e frutas amassadas, estragadas e sujas, e as colocava em um saquinho plástico. a resposta foi a “óbvia”: ele está pegando comida. o cacique continuou passeando, calado (provavelmente tentando compreender, a resposta dada); depois de uns 10 minutos, voltou à carga: não entendi. por que o menino está pegando aquela comida podre se tem tanta coisa boa nas pilhas e caixas? outra resposta evidente: porque para pegar nas pilhas precisa ter dinheiro. insiste o xavante (já irritante, pois está escavando onde a injustiça sangra): e por que ele não tem dinheiro? réplica enfadonha do civilizado: porque ele é criança! torna o índio: e o pai dele? tem dinheiro? outra obviedade: não, não tem. questão final: então, não entendi de novo. por que você que é grande tem dinheiro e o pai do menino, que também é, não tem? a única saída possível foi responder: porque aqui é assim! ” mesmo vivendo em realidades diferentes, o ser humano carrega ensinamentos, costumes, valores e normas no cotidiano de sua existência e, portanto, somos seres da cultura. o problema nasce quando não há mais questionamentos sobre a realidade da vida, sobre os acontecimentos do dia-a-dia e, assim, notamos que já estamos acostumados. nada mais nos assusta, nada mais nos faz pensar, tudo se tornou normal. vamos pensar, o que leva o homem ao esquecimento e ao acostumar-se com os fatos, às vezes, tão dramáticos e perigosos. seria a falta de consciência filosófica? seria a falta da reflexão filosófica sobre o sentido da educação sobre o sentido da vida? o texto, “sobre ideias e pães”, selecionado para esta atividade é do professor mário sérgio cortella. o autor ressalta a necessidade da reflexão e do conhecimento filosófico sobre o ser e o existir do homem. as reflexões emergentes desse estudo, além de apontarem os lugares do encontro da filosofia com a educação, objetivam despertar nos docentes a prática consciente e coerente com os ensinamentos filosóficos. considerando que você é estudante de pedagogia, e futuro (a) professor (a) da educação infantil e dos anos iniciais do ensino fundamental e preocupado (a) com a educação para a construção humana, leia o texto e faça sua reflexão de, no mínimo, 20 linhas, apontando os tópicos mais relevantes que caracterizam a filosofia, a reflexão filosófica, a construção humana e a educação. importante valorizar os estudos realizados em “o que é filosofia? ” a reflexão filosófica, o professor de filosofia e a finalidade da educação
Respostas: 1
Você sabe a resposta certa?
o desenvolvimento e sua sustentabilidade o desafio no mundo com inúmeras concepções e propostas para...
Perguntas
question
Português, 31.05.2020 02:47
question
História, 31.05.2020 02:47
question
Artes, 31.05.2020 02:47
Perguntas no site: 31526618